O que considerar na escolha do bar para casamento?

Você já contratou o local para a cerimônia, escolheu o vestido, contratou o DJ, a comida. Mas depois disso tudo, vem à mente que ainda precisa do bar para casamento.

Atualmente, os coquetéis têm um lugar fundamental nos eventos. Por isso, é uma das coisas mais importante que devem levar em consideração ao contratar um serviço do tipo.

Alguns detalhes podem ser observados, a fim de que não haja nenhum imprevisto. A seguir, daremos algumas dicas para que sua escolha seja a mais assertiva.

 

Critérios na escolha do bar para casamento

 

1 – Orçamento

Determinar o orçamento de bebida é o primeiro passo para decidir que tipo de bar para casamento que se quer ter.

Obviamente, os noivos querem que todos se divirtam, mas servir álcool no casamento pode ser um problema. Por que? Porque se não houver um planejamento cuidadoso com antecedência pode ser um gasto excessivo e surpreendente.

 

quanto custa bartender

Supondo que já tenha configurado a lista de convidados, faça uma rápida contagem dos possíveis bebedores. Em seguida, apenas algumas contas de matemática resolverão o problema.

 

2 – Qualidade do bar para casamentos

A primeira coisa a se ter em mente é que o serviço que for escolhido deve fornecer bebidas de excelente qualidade. Isso evitará dores de cabeça no dia antes, durante e depois da comemoração.

Seja nacional ou importada, verifique a procedência das marcas que forem oferecidas.

Talvez alguém em específico beba um tipo de drink em particular e deseja que uma determinada marca de tequila, conhaque ou vodka seja servida.

É importante saber que a maioria dos serviços, oferece a possibilidade de escolher os rótulos.

 

3 – Adicionais do bar para casamentos

Uma questão que não deve ser negligenciada são os “extras” ou “adicionais”, como espumantes, cidras, vinho e cerveja. O serviço de bar para casamentos geralmente inclui logística, resfriamento e copos.

Por isso é importante revisar tudo antes, para evitar que, na hora da cerimônia, o vinho espumante não esteja na temperatura certa.

A maioria das empresas permite a escolha de uma marca específica para se adequar ao cliente.

 

4 – Visual

No bar para casamento é fundamental que o aspecto visual seja destaque. Por um lado, é essencial um bom copo, seja de vidro ou não.

Por outro, os coquetéis devem ser bem servidos e decorados com frutas, ervas e talvez até com flores.

Tudo vai estimular a vista! Um fato não menos importante é que cada bebida possui copos adequados.

Assim, os convidados poderão apreciar melhor tudo o que estiverem consumindo.

 

5 – Profissionais no bar para casamento

Algo essencial nesse tipo de comemoração: boa atenção, organização e gentileza da equipe que estará no comando. Esse detalhe pode ser medido pela:

 

bartender para casamento

 

  • Velocidade da resposta quando você está contratando;
  • Interação com quem realiza o planejamento;
  • Comentários que, como mencionamos, outros usuários fizeram nas redes da empresa sobre serviços passados.

Um diferencial entre os bares para casamento é, geralmente, a quantidade de garçons e auxiliares propostos pela empresa. Quanto mais, melhor.

É sempre recomendável que exista uma pessoa responsável que esteja fora do bar e acompanhe o serviço de gerenciamento de contingências.

 

6 – Convidados

Finalmente, e não menos importante. Lembre-se de que, em um evento, existem convidados de todas as idades que podem ou não consumir álcool.

Portanto, é importante ter um serviço que ofereça como alternativa, refrigerantes, sucos naturais e drinks não alcoólicos.

 

7 – Tamanho do ambiente

Se fará uma cerimônia grande, onde os convidados irão se espalhar por um enorme salão, considere ter mais de um bar.

Com certeza ninguém quer que as pessoas passem a maior parte da noite esperando na fila.

Sem contar que o lugar que tem somente um bar em meio a um espaço enorme é problema.

Corre-se o risco de bebidas serem derramadas, já que os convidados precisam passar de um extremo ao outro do ambiente.

É possível facilitar a vida de todos – em especial a dos noivos – planejando pelo menos 2 bares separados. Isso se acaso a lista de convidados tiver mais de 50 pessoas.

 

O estilo do bar para casamento

 

  • Open Bar – Um open bar é um dos estilos e funções de bares mais populares, exatamente como o nome sugere. O anfitrião paga uma taxa fixa e os convidados para poderem pedir quantas bebidas quiserem. Um open bar geralmente inclui vinho, cerveja, champanhe e licor;
  • Bar de consumo – Em vez de pagar uma taxa fixa, um bar de consumo exige que o anfitrião pague pelos consumos no final do evento;
  • Bar branco – Um bar branco oferece apenas bebidas brancas, como água, soda, vodka, gin, rum e vinho;
  • Bar seco – Se a noiva, o noivo ou amigos e familiares não fazem uso de bebidas alcoólicas, considere um bar seco. Basta fornecer uma mistura de refrigerantes, sucos, águas saborizadas, chá e qualquer outra coisa que seja do agrado.

 

O bar para casamento deve ser dentro de suas possibilidades

Ofereça o que pode pagar e tenha a mesma lista de bebidas disponíveis durante a noite.

Não sinta-se pressionado a oferecer mais quantidade e melhores bebidas por causa de um ou dois convidados que são exigentes.

Verdade seja dita, mas depois dos primeiros drinks, a maioria deles, na realidade, não se importa.

Nunca se ouvirá um convidado reclamar sobre que tipo de bebida estava disponível em um bar de casamento, desde que esteja disponível a festa inteira.

E para abrilhantar o casamento que tal contratar um Bartender e tirar mais uma preocupação da cabeça?

Menu